Sistema B

O Sistema B reúne empresas com um propósito em comum: buscar uma nova “genética” econômica, que permita que os valores e a ética caminhem sempre na linha de frente na proposição de soluções coletivas, sem esquecer as necessidades particulares. As Empresas B agregam pessoas que querem trabalhar por um mundo melhor, com base no bem-estar das pessoas, das sociedades e da Terra, de forma a gerar impacto positivo no mundo e para o mundo.

As Empresas B buscam utilizar a lógica do mercado para solucionar problemas sociais e ambientais. O sucesso para empresas certificadas pelo Selo Sistema B acredita que seja medido pelo bem-estar das pessoas, das sociedades e da natureza.

A Cultura das Empresas B é prezar pela diversidade, pela construção conjunta, pela paixão, por acreditar naquilo que faz, pelo respeito, pela inovação e pelo cuidado.

SVB – Selo Vegano

O objetivo principal do Selo Sociedade Vegetariana Brasileira é fomentar e fortalecer os ingredientes e produtos veganos em todos os elos da cadeia de fornecimento de alimentos, cosméticos e outros produtos. Desde a fabricação dos insumos até a gôndola do supermercado, a certificação exige direta ou indiretamente das empresas certificadas, que forneçam comprovações de que os ingredientes e processos são inteiramente veganos..

Assim, o selo ajuda os consumidores, facilitando as compras sem a necessidade de consultas constantes às listas de ingredientes; ajuda as empresas a reconhecer e tirar proveito de um crescente mercado vegano, além de contribuir para trazer o veganismo ao debate público.

Aqui tem agricultura familiar

O Selo da Agricultura Familiar surgiu como uma importante ferramenta, criada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário, para identificar os produtos oriundos desse setor, que vem crescendo e se organizando para produzir cada vez mais e com mais qualidade. O Selo atesta que o produto oriundo da agricultura familiar promove valores cada vez mais exigidos pelos consumidores, são eles: sustentabilidade, responsabilidade social, responsabilidade ambiental, valorização da cultura local, valorização da produção regional, que gera trabalho, renda e, consequentemente, desenvolvimento local sustentável. Além de assegurar o direito do consumidor de saber a origem de cada produto adquirido.

Eureciclo

O selo eureciclo faz a compensação ambiental das embalagens do mercado e certifica que a empresa certificada cumpra com a Política Nacional de Resíduos Sólidos.

Todas as empresas certificadas com o selo eureciclo atestam os investimentos na cadeia de reciclagem, de acordo com os termos da PNRS (instituída pela Lei 12.305/10).

A Política Nacional de Resíduos Sólidos define metas crescentes ano a ano para que as empresas comprovem a destinação correta dos seus resíduos pós consumo. Sendo assim, para que a empresa possa cumprir a lei, é necessário antes calcular o peso total das embalagens colocadas no mercado e só então realizar a compensação.

Sistema B

O Sistema B reúne empresas com um propósito em comum: buscar uma nova “genética” econômica, que permita que os valores e a ética caminhem sempre na linha de frente na proposição de soluções coletivas, sem esquecer as necessidades particulares. As Empresas B agregam pessoas que querem trabalhar por um mundo melhor, com base no bem-estar das pessoas, das sociedades e da Terra, de forma a gerar impacto positivo no mundo e para o mundo.

As Empresas B buscam utilizar a lógica do mercado para solucionar problemas sociais e ambientais. O sucesso para empresas certificadas pelo Selo Sistema B acredita que seja medido pelo bem-estar das pessoas, das sociedades e da natureza.

A Cultura das Empresas B é prezar pela diversidade, pela construção conjunta, pela paixão, por acreditar naquilo que faz, pelo respeito, pela inovação e pelo cuidado.

SVB – Selo Vegano

O objetivo principal do Selo Sociedade Vegetariana Brasileira é fomentar e fortalecer os ingredientes e produtos veganos em todos os elos da cadeia de fornecimento de alimentos, cosméticos e outros produtos. Desde a fabricação dos insumos até a gôndola do supermercado, a certificação exige direta ou indiretamente das empresas certificadas, que forneçam comprovações de que os ingredientes e processos são inteiramente veganos..

Assim, o selo ajuda os consumidores, facilitando as compras sem a necessidade de consultas constantes às listas de ingredientes; ajuda as empresas a reconhecer e tirar proveito de um crescente mercado vegano, além de contribuir para trazer o veganismo ao debate público.

Aqui tem agricultura familiar

O Selo da Agricultura Familiar surgiu como uma importante ferramenta, criada pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário, para identificar os produtos oriundos desse setor, que vem crescendo e se organizando para produzir cada vez mais e com mais qualidade. O Selo atesta que o produto oriundo da agricultura familiar promove valores cada vez mais exigidos pelos consumidores, são eles: sustentabilidade, responsabilidade social, responsabilidade ambiental, valorização da cultura local, valorização da produção regional, que gera trabalho, renda e, consequentemente, desenvolvimento local sustentável. Além de assegurar o direito do consumidor de saber a origem de cada produto adquirido.

Eureciclo

O selo eureciclo faz a compensação ambiental das embalagens do mercado e certifica que a empresa certificada cumpra com a Política Nacional de Resíduos Sólidos.

Todas as empresas certificadas com o selo eureciclo atestam os investimentos na cadeia de reciclagem, de acordo com os termos da PNRS (instituída pela Lei 12.305/10).

A Política Nacional de Resíduos Sólidos define metas crescentes ano a ano para que as empresas comprovem a destinação correta dos seus resíduos pós consumo. Sendo assim, para que a empresa possa cumprir a lei, é necessário antes calcular o peso total das embalagens colocadas no mercado e só então realizar a compensação.