Limpeza Convencional Faz tão Mal Quanto Fumar

perigos produtos limpeza convencionais

Uma recente pesquisa desenvolvida na Universidade de Bergen, na Noruega, concluiu que, dependendo da maneira como você limpa sua casa, os produtos de limpeza podem ser tão prejudiciais quanto fumar. “Não é de se surpreender, já que essas pessoas estão inalando pequenas partículas de produtos que foram feitos para limpar o chão e não para limpar o pulmão”, diz um dos pesquisadores.  Queremos explicar para vocês os perigos dos produtos de limpeza convencionais.

Os pesquisadores acompanharam por 20 anos 6.235 voluntários, com idade média de 34 anos. O estudo mostra que as pessoas que limpam a casa até uma vez por semana com produtos de limpeza convencionais têm 40% a mais de chance de desenvolver asma que as pessoas que não estão expostas a esse tipo de químicos.

Com os papeis de gênero instaurados, a mostra apresentou muito mais mulheres expostas a esses efeitos do que homens, uma vez que a limpeza está histórica e culturalmente atribuída à função das mulheres. Considerando a amostragem e esses papeis de gênero atribuídos, a pesquisa nos trouxe que “o crescente declínio das funções do pulmão das mulheres que trabalham com faxina é comparável a fumar 20 cigarros por dia”. Os estudiosos atribuíram os sintomas à constante irritação das vias respiratórias, devido às substâncias químicas nocivas presentes em abundância nos produtos de limpeza convencionais.

Os agentes químicos presentes em produtos de limpeza utilizados em nosso dia a dia, pela maioria das pessoas, têm efeitos prejudiciais ao sistema respiratório, aumentam o risco de asma e problemas respiratórios entre funcionários que trabalham diretamente com limpeza e pessoas que cumprem essa função em suas próprias casas. Alguns exemplos dessas perigosas substâncias são: cloro, benzeno, branqueador óptico.

As consequências, a longo prazo, dos agentes de limpeza na saúde respiratória ainda não são bem definidos e podem ser ainda mais graves. “Temíamos que esses produtos químicos, ao causar um pequeno dano às vias aéreas, dia após dia, ano após ano, pudessem acelerar a taxa de declínio da função pulmonar que ocorre com a idade”, conta um dos autores da pesquisa.

Os produtos químicos de limpeza afetam diretamente as mucosas que revestem as vias aéreas, e com o tempo impactam as vias aéreas e ocasionam sua remodelação.

Com o objetivo de investigar os efeitos a longo prazo da limpeza e limpeza ocupacional em casa no declínio da função pulmonar e obstrução das vias aéreas, a pesquisa vem para engrossar nosso coro sobre a importância de cuidarmos da saúde não só na alimentação e nos exercícios físicos, como a maioria da população faz. Nossa saúde está em risco quando exposta à produtos de limpeza que detém substâncias químicas nocivas e não são fiscalizadas.

Por isso a POSITIV.A existe, para levar limpeza, segurança e bem-estar para o seu lar!   

Ele acrescentou que as autoridades de saúde pública devem regulamentar

rigorosamente os produtos de limpeza e incentivar os produtores a desenvolver agentes de limpeza que não possam ser inalados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *